Com leve retomada da economia, transporte aéreo de cargas dá sinais de melhora em 2017

Os primeiros meses de 2017 deram novo fôlego para o setor de transporte aéreo de cargas, que amargou quedas consecutivas nos últimos três anos. No ano passado, foram transportadas 419 mil toneladas no mercado doméstico - o mesmo patamar de 2009, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). 

Mas a expectativa da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) é de que a demanda aumente em 170 mil toneladas até 2022. No primeiro semestre deste ano, a Abear indica que a alta no volume movimentado foi de 7,2%. 


Com leve retomada da economia, transporte aéreo de cargas dá sinais de melhora em 2017

Postagens mais visitadas